27 de ago de 2012

PRIMEIRO PASSO

Havia muito temor pela ausência de Deco no time do Fluminense. Não era para menos: principal articulador das jogadas, o portuga vivia um dos seus melhores momentos nas Laranjeiras quando sofreu contusão.
A desconfiança do torcedor aumentou ainda mais, quando Wagner foi anunciado como seu substituto imediato. Desde que foi repatriado pelo tricolor, o mineiro não conseguiu mostrar o bom futebol que o fez deixar o Cruzeiro. Muito ao contrário, tinha feito até aqui atuações pífias.
Não que Wagner tenha redescoberto seu futebol, mas está longe de ser aquele sujeito apagado de outrora. Para alívio da torcida, o meia está se soltando nos jogos e demonstra, a cada partida, uma evolução que se percebe a olho nu.
Como bom mineirinho, Wagner está conquistando seu espaço sem estardalhaços. Se ainda não conseguiu afastar de vez a desconfiança que paira sobre si, ao menos debelou a hostilidade que o cercava; e isso já significa muito coisa no mundo da bola.

Nenhum comentário: